Foto Gracielle Fonseca

Quanto custa viajar para um festival na Europa?

Depois de viajar para mais de uma dezena de festivais no velho continente de uma só vez eu tenho uma resposta bem genérica para a pergunta “quanto custa viajar para um festival na Europa?”: depende. Depende da região da Europa para onde você vai, depende da “bombância” do festival, depende se você está disposto a acampar ou não, depende do câmbio. Dos festivais que eu Gra já fomos até hoje, cada um consumiu proporções diferentes do nosso dinheiro dependendo das escolhas que fizemos.

Pagamos bem caro para festivais como o Roskilde, na Dinamarca, onde os preços são normalmente acima da média na comparação com o restante da Europa. Por outro lado, fomos em um dos muitos festivais de graça na Europa, o Popegoja, o que nos poupou pelo menos o gasto com o ingresso. Ao mesmo tempo, pagamos super barato pelo combo ingresso + hotel + transporte no Brutal Assault, graças à região, que costuma ser bem barata para brasileiros, a República Tcheca e o Leste Europeu.

Mas é claro que dá para fazer uma estimativa de custos. Para isso, é preciso colocar na conta aéreo + ingresso + hospedagem + alimentação + transporte + seguro viagem + passeios. A seguir, você vai encontrar uma estimativa bem genérica e algumas indicações de estimativas específicas para determinados festivais na Europa

quanto custa viajar para um festival na europa

Em sentido horário: eu e Gra na Suécia, onde não gastamos nada para ir ao Popegoja; na Dinamarca, no Roskilde, o festival mais caro que encaramos; e na República Tcheca, no Brutal Assault, tão barato que rolou até de abrir mão do camping para ficar em hotel

Quanto custa viajar para um festival na Europa? – A resposta genérica

Fazendo uma média de gastos de quanto custa viajar para um festival na Europa, R$ 6.780 é o valor aproximado. Isso tendo o euro a R$ 4,32 como referência e usando valores médios para todos os itens que compõem o orçamento – aéreo, ingresso, hospedagem, alimentação, transporte, passeios, seguro viagem. É também um cálculo mais conservador e econômico e considera uma viagem de sete dias.

quanto custa viajar para um festival na europa

Ponderações importantes

Tenha em mente que o custo final da sua viagem vai depender de uma série de fatores. Primeiro e acima de tudo, da cotação do euro. Segundo, do destino escolhido; para alguns você vai encontrar voos diretos, para outros terá que fazer conexões dentro da Europa, o que pode mudar o preço final da passagem. Ao mesmo tempo, o destino escolhido interfere nos gastos com transporte, alimentação, etc; tem países com custo de vida mais alto e outros mais baixos. Terceiro, de quantos dias vai separar para turistar e da duração da sua viagem como um todo.

Também depende dos deslocamentos que terá que fazer para o festival. Há festivais que acontecem nas capitais, e o máximo que você vai ter que gastar para chegar até eles será um ticket de transporte público. Já os festivais que acontecem em cidades afastadas exigem normalmente um deslocamento de trem ou aluguel de carro, o que implica gastos mais altos.

Obviamente, o preço do ingresso do festival também pode variar muito. Eventualmente, você pode economizar diárias de hotel acampando nos dias do festival, quando evento disponibilizar o acampamento. Porém, não quer dizer necessariamente que você vai ter custo zero nesse período de acampamento. Enquanto alguns festivais têm o acesso ao camping incluído no preço do ingresso, outros cobram à parte.

Quanto custa viajar para um festival na Europa? – Contas específicas para dez festivais

Abaixo você encontra links para orçamentos de viagem para alguns dos principais festivais da Europa. No entanto, mesmo que os cálculos tenham sido feitos com foco em um festival e em uma região específica, eles ainda assim são estimados. Os valores podem mudar conforme a cotação do euro e/ou libra, os seus hábitos de viagem (tipo de transporte usado, alimentação diária, roteiro pretendido) e variações naturais do preço de produtos e serviços.

Pode te ajudar também: como organizar uma viagem para festival e como comprar seu ingresso para um festival gringo

Gostou deste post? Temos muito mais pra você!

Receba nossas dicas, histórias e novidades de viagens para os melhores festivais de música do mundo.

 

Compartilhe este post

Priscila Brito

Sou jornalista e melômana, não sei se nessa ordem. Coleciono ingressos de shows desde 2001. Agora coleciono pulseiras de festival e carimbos no passaporte. Sou uma das mães do Festivalando e fiz Paul McCartney falar uai no Mineirão. Só porque eu gosto de música. Nas horas vagas, faço coisas sérias e tento salvar o jornalismo.

4 comments

Add yours
  1. Rodrigo 20 maio, 2016 at 14:38 Responder

    Boa tarde, uma duvida, uma pessoa deve ter um salario de quantos para poder começa a juntar uma grana, vamos supor 2 anos para o Wacken, porque a pessoa tem que ter um valor médio para poder guarda né?

    • Priscila Brito 22 maio, 2016 at 18:37 Responder

      Oi, Rodrigo. A questão, a meu ver, não depende tanto do seu salário e é bastante variável de pessoa pra pessoa. Depende mais dos seus gastos fixos e obrigatórios e do quanto você consegue guardar. Tem gente que às vezes ganha muito e também gasta muito, então não necessariamente vai conseguir guardar mais dinheiro que alguém que ganha um pouco menos. Se você quer ir pro Wacken, uma sugestão que dou é ver de quanto, em média, você vai precisar; depois veja quanto você pode guardar por mês. Assim você vai saber quanto tempo terá que guardar dinheiro. Neste post a gente dá dicas sobre guardar dinheiro para viajar pra festival:https://festivalando.com.br/como-economizar-dinheiro-para-viajar-para-um-festival/ Pode ser útil 😉

Deixe seu comentário