#VideoSelfie: Como economizar dinheiro para viajar para um festival

Você já sabe: se depender da gente, você vai viajar para um festival. Já explicamos pra você como lidar com os obstáculos mais comuns na organização da sua viagem e te presenteamos com um planner de viagem para você estruturar tudo da melhor maneira possível, desde os seus desejos iniciais até a concretização da viagem. Agora chegou a vez de se deter no ponto mais crítico do processo: como economizar dinheiro para viajar para um festival.

Não tem uma fórmula única, pois as condições financeiras de cada um interferem muito na quantidade de dinheiro que você pode economizar e destinar para o lazer e viagens (principalmente num país com abismos de desigualdade como o nosso). E excluindo-se grandes empresários, banqueiros, políticos e celebridades, todo o resto do mundo vai sempre se debater com a insuficiência de recursos. Dinheiro é sempre um problema, mesmo quando ele parece ser a solução.

Críticas ao nosso sistema cruel à parte, há algumas medidas que podem ser consideradas coordenadas básicas, como um ponto de partida ao menos para que você tenha à mão alternativas diversas para serem exploradas.

Como economizar dinheiro para viajar para um festival

No vídeo selfie de hoje eu e Gra discorremos detalhadamente sobre algumas maneiras de juntar dinheiro para viajar:

  • Estabelecer prioridades
  • Organizar informações orçamentárias
  • Fazer cortes
  • Poupar

Não são técnicas revolucionárias, mas mesmo assim ainda é difícil pra muita gente colocá-las em prática e, por isso mesmo, fizemos este vídeo selfie. Damos exemplos reais de nossas vidas porque talvez assim fique mais fácil de visualizar como essas técnicas tão repetidas podem funcionar na prática.

Tome nota, veja o vídeo e comece a colocar as moedas no porquinho!

Gostou deste post? Temos muito mais pra você!

Receba sempre nossas dicas, histórias e novidades sobre viagens para os melhores festivais de música do mundo.

Compartilhe este post

Priscila Brito

Sou jornalista e melômana, não sei se nessa ordem. Coleciono ingressos de shows desde 2001. Agora coleciono pulseiras de festival e carimbos no passaporte. Sou uma das mães do Festivalando e fiz Paul McCartney falar uai no Mineirão. Só porque eu gosto de música. Nas horas vagas, faço coisas sérias e tento salvar o jornalismo.

2 comments

Add yours
    • Priscila Brito 27 Fevereiro, 2016 at 20:07 Responder

      A Gra vai no Iron, vocês devem se encontrar lá! Fechar pra balanço nos gastos de vez em quando é necessário e também faz bem porque a gente tem vários outros objetivos na vida e nem sempre eles envolvem direito. Go go go!

Deixe uma resposta

Close