lollapalooza 2022Wesley Allen/I Hate Flash

Lollapalooza 2022: #partiu? Sim no Brasil, pero no mucho no Chile e na Argentina

Lá estava eu preparando um texto com os detalhes do Lollapalooza 2022 no Brasil, Chile e Argentina, como de costume nos tempos pré-pandêmicos, até que de um dia para o outro um monte de coisa foi para o espaço.

O Lollapalooza Brasil 2022 continua intacto e se você pretende ir ao festival e ainda não comprou ingressos, pode seguir mais para baixo e conferir os preços para o retorno do festival.

Mas se você estava com planos de ir para o Lollapalooza Chile ou Argentina em 2022, atenção. Ambos os festivais seguem confirmados, mas questões internas dos dois países podem obrigar a algumas mudanças de planos, dependendo da sua situação.

Lollapalooza Brasil: tudo sob controle

O Lollapalooza Brasil começou nesta quinta-feira (18) a venda de ingressos para a sua edição 2022. Os valores e os lotes foram mantidos com base naqueles de março de 2020, quando as vendas foram suspensas — os ingressos diários para sexta e sábado se esgotaram cerca de uma hora após a abertura das vendas.

Lembrando que o Lollapalooza Brasil 2022 acontece nos dias 25, 26 e 27 de março.

Confira os preços:

IngressoInteiraMeiaSocial
Lolla PassR$ 2.520

(R$ 2.100 + R$ 420 de taxas)

R$ 1260

(R$ 1.050 + R$ 210 de taxas)

R$ 1.426

(R$ 1.155+ R$ 231 + R$ 40 de taxas)

Lolla DayR$ 1.080

(R$ 900 + R$ 180 de taxas)

R$ 540

(R$ 450 + R$ 90 de taxas)

R$ 624

(R$ 495 + R$ 99 + R$ 30 de taxas)

 

Além dos ingressos regulares, o Lollapalooza Brasil 2022 também terá o já conhecido Lolla Lounge e uma nova categoria de ingressos VIP, o Lolla Comfort, novo espaço que ficará entre os palcos Bud e Doritos.

O espaço de 800 m² tem locais de descanso, bares exclusivos, food trucks, banheiros, lockers e telões com transmissão de shows. Tem ainda cashback para alimentos, bebidas e merchan do festival. Quem adquirir o Lolla Comfort para um dia receberá R$ 100 de crédito e quem comprar o Lolla Pass receberá R$ 300.

Confira os valores:

IngressoInteiraMeiaSocial
Lolla Pass ComfortR$ 4.056

(R$ 3.380 + R$ 676 de taxas)

R$ 2.028

(R$ 1.690 + R$ 338 de taxas)

R$ 2.270,80

(R$ 1.859 + R$ 371,80 + R$ 40 de taxas)

Lolla Pass LoungeR$ 4.520

(R$ 2.100 + R$ 2.000 + R$ 420 de taxas)

R$ 3.260

(R$ 1.050 + R$ 2.000 + R$ 210 de taxas)

R$ 3.426

(R$ 1.155 + R$ 2.000 + R$ 231 + R$ 40 de taxas)

Lolla Day ComfortR$ 1.752

(R$ 1.460 + R$ 292 de taxas)

R$ 876

(R$ 730 + R$ 146 de taxas)

R$ 993,60

(R$ 803 + R$ 160,60 + R$ 30 de taxas)

Lolla Day LoungeR$ 1.840

(R$ 900 + R$ 760 + R$ 180 de taxas)

R$ 1.300

(R$ 450 + R$ 760 + + 90 de taxas)

R$ 1.384

(R$ 495 + R$ 760 + + R$ 99 + R$ 30 de taxas)

Se você vai ao Lollapalooza 2022, aproveite para se orientar:

Lollapalooza 2022 na Argentina: vendas internacionais suspensas

O Lollapalooza Argentina iniciou a venda de ingressos na última terça-feira (16) e quem não mora na Argentina teve uma surpresa ao tentar comprar as entradas para o festival: as compras simplesmente não foram aceitas.

O que acontece é que o país passa por um rígido controle cambial para evitar a evasão de divisas. As medidas foram implementadas inicialmente em setembro do ano passado, em meio a uma grave crise econômica, e foram reforçadas algumas vezes desde então.

A política afetou as transações internacionais com cartão de crédito, impossibilitando a venda de ingressos para o exterior.

Se você já tem o seu ingresso para o Lolla Argentina comprado ainda em 2020, nada muda. Mas se você pretendia comprar agora, a situação é esta.

Não há uma previsão de quando essas restrições cambiais serão encerradas, e enquanto isso o Lolla Argentina vai esgotando os ingressos à venda: além do passe de três dias, a sexta e o domingo já estão esgotados.

O Lollapalooza Argentina acontece nos dias 18, 19 e 20 de março.

Lollapalooza 2022 no Chile: um festival sem casa (por enquanto)

Quando foram anunciados os lineups do Lollapalooza Brasil e Argentina há algumas semanas, estranhou o fato de o Lollapalooza Chile não divulgar sua programação também, como de costume.

Nesta quarta-feira (17), o silêncio começou a fazer sentido. O Lolla Chile anunciou que não será mais realizado no maravilhoso e super bem localizado Parque O’Higgins e ainda não tem um local definido para o retorno em 2022.

Em um comunicado, o festival informa que as condições exigidas pelas autoridades locais para a realização do Lolla Chile implicam um alto grau de incerteza, inviabilizando o uso do parque para o evento.

Por outro lado, uma decisão do Conselho Municipal de Santiago rejeitou, no último dia 3 de novembro, a realização do festival no parque, alegando que a produtora do festival realizou a última edição do Lolla com irregularidades e não compensou financeiramente os danos causados pelo festival ao local. O Lollapalooza Chile nega essas acusações.

Paralelamente, no início da semana, associações de moradores assinaram um documento apoiando a realização do festival no local de costume, mas o gesto não foi suficiente para mudar o rumo das coisas.

O Lollapalooza Chile está confirmado para os dias 18, 19 e 20 de março, mas ainda sem um local definido. Considere todo esse cenário no planejamento da sua viagem para o Chile.

[jetpack_subscription_form title=”Gostou deste post? Temos muito mais pra você!” subscribe_text=”Receba nossas dicas, histórias e novidades de viagens para os melhores festivais de música do mundo.” subscribe_button=”Quero!”]

Compartilhe este post

Priscila Brito

Sou jornalista e melômana, não sei se nessa ordem. Coleciono ingressos de shows desde 2001. Agora coleciono pulseiras de festival e carimbos no passaporte. Sou uma das mães do Festivalando e fiz Paul McCartney falar uai no Mineirão. Só porque eu gosto de música. Nas horas vagas, faço coisas sérias e tento salvar o jornalismo.

2 comments

Add yours

Deixe seu comentário