festivais em lisboaWood Mood Photo/NOS Alive

13 festivais em Lisboa (e arredores) pra ir além do Rock in Rio

Na fila do pão festivaleiro mundial, os festivais em Lisboa ocupam um lugar ainda discreto se comparados com outros coleguinhas europeus. Isso numa visão mais geral. Do ponto de vista de quem está no Brasil, a presença do Rock in Rio Lisboa, reprodução de um dos nossos principais festivais – senão “o” festival, é forte o suficiente pra despertar nossa atenção para a capital portuguesa como destino festivaleiro.

Mas se o Rock in Rio Lisboa é a “especiaria” que, desde 2004, faz a gente querer traçar o caminho inverso de Cabral, é justo lembrar que a história não começa aí. O Super Bock Super Rock, por exemplo, um dos maiores festivais da cidade, está na ativa desde 1995. E há também outros que, apesar de terem chegado um pouco mais tarde, cresceram e se estabeleceram com muita facilidade, como o NOS Alive, que estreou em 2010.

Além disso, apesar do foco aqui ser nos festivais em Lisboa, é importante destacar a variedade que se tem por todo o país, com festivais também muito bem estabelecidos. Os festivais de metal em Portugal e os muitos que acontecem no belo litoral português (muitos deles no nosso buscador) são um capítulo à parte. Ou seja, dá para conhecer Portugal através dos festivais.

Pra quem quer começar pela capital, algumas das opções são as seguintes:

Festivais em Lisboa para aproveitar o ano inteiro

Se você tiver sorte – ou caso se programe, vai esbarrar com opções de festivais em Lisboa de março a novembro.

Lisboa Dance Festival

Festival indoor que destaca a vanguarda da música eletrônica. Palestras e debates também fazem parte da programação. Ocupa diversos espaços da cidade.

Quando: em março
Mais informações

Lisboa Electronica

O foco é no underground eletrônico português, com destaque para o techno e sons experimentais. A programação abre espaço também para DJs e produtores internacionais.

Quando: em abril
Mais informações

Rock in Rio Lisboa

Versão portuguesa do “nosso Rock in Rio”, o Rock in Rio Lisboa é uma opção mais light que a carioca. Há consideráveis semelhanças, sim, mas algumas sutilezas fazem a diferença.

Quando: em junho
Mais informações

Super Bock Super Rock

Um dos principais e mais antigos festivais de verão em Lisboa. O lineup tem sempre headlienrs de peso, com destaque maior para o rock e o indie, mas com algum espaço para o hip hop também.

Quando: em julho
Mais informações

Veja dicas de onde ficar em Lisboa

Lisb-On

Mais um festival de música eletrônica que se desdica à cena mais underground. O cenário é o Parque Eduardo VII, que nos dias de festival é transformado no “Jardim Sonoro”.

Quando: em setembro
Mais informações

Santa Casa Alfama

Carregando o nome do reduto do fado em Lisboa, o bairro de Alfama, o tom do festival não poderia ser outro. Ele é uma celebração do tradicional gênero musical português.

Quando: em setembro
Mais informações

Nova Batida

Um dos festivais mais novatos dessa lista, o Nova Batida tem em seu lineup música eletrônica e hip hop, do mais experimental à velha guarda.

Quando: em setembro
Mais informações

Jameson Urban Routes

Festival indoor realizado desde 2006 dedicado a mostrar as novas tendências da música moderna e urbana, em todas as suas vertentes.

Quando: em outubro
Mais informações

Super Bock em Stock

Antes chamado de Mexefest Vodafone, o Super Bock em Stock leva grandes nomes e novidades do indie para a Avenida da Liberdade e também para clubes e teatro de Lisboa.

Quando: em novembro
Mais informações

Festivais em Lisboa (ou quase)

Geograficamente falando, eles não acontecem em Lisboa. Mas o deslocamento da capital para as cidades em questão é tão simples que não há porque não incluí-los na lista também.

Em Oeiras – a no máximo 50 minutos de Lisboa

NOS Alive

Realizado quase mesmo em Lisboa, em Oeiras, na Grande Lisboa, o NOS Alive tem anualmente um lineup de peso para quem é fã de indie e de rock. Pra completar, acontece à beira-mar.

Quando: em julho
Mais informações

Em Cascais – a no máximo uma hora de Lisboa

EDP Cooljazz

O jazz está no nome do festival, mas não é exclusivo no lineup. Artistas de funk, soul, rock e pop também entram na programação.

Quando: em julho
Mais informações

Musa Cascais

Festival de reggae cujo cenário principal é a praia de Carcavelos. Acontece desde 1998.

Quando: em julho
Mais informações

Em Caparica – a no máximo 50 minutos de Lisboa

O Sol da Caparica

A Costa da Caparica, na região metropolitana de Lisboa, é uma das regiões praieiras mais próximas pra quem está na capital e é lá que acontece este festival que reúne os principais nomes da música portuguesa.

Quando: em agosto
Mais informações

Para além dos festivais, veja mais o que fazer em Lisboa

Gostou deste post? Temos muito mais pra você!

Receba nossas dicas, histórias e novidades de viagens para os melhores festivais de música do mundo.

Compartilhe este post

Priscila Brito

Sou jornalista e melômana, não sei se nessa ordem. Coleciono ingressos de shows desde 2001. Agora coleciono pulseiras de festival e carimbos no passaporte. Sou uma das mães do Festivalando e fiz Paul McCartney falar uai no Mineirão. Só porque eu gosto de música. Nas horas vagas, faço coisas sérias e tento salvar o jornalismo.

No comments

Add yours

Deixe seu comentário