festival planeta brasil 2019Iana Domingos

Guia do Planeta Brasil 2019: o que saber antes de ir

Atualizado em 25/01/19 – O Planeta Brasil 2019 acontece em BH no próximo sábado (26), na Esplanada do Mineirão, na vibe de celebração, já que o festival completa dez anos de existência, uma marca importante, principalmente quando se trata de festivais no Brasil.

Pra fazer essa festa toda, foi preparado o lineup aí embaixo, que vai se distribuir por quatro palcos. Ainda há ingressos à venda, já no último lote, a partir de R$ 140 (meia entrada para estudantes e para quem doar 1 kg de alimento não perecível).

planeta brasil

Guia do Planeta Brasil 2019

E pro clima de festa funcionar bem, o Festivalando fez aquele guia do Planeta Brasil 2019 que você respeita, com as informações de que você precisa para aproveitar bem o festival:

Qual o horário do Planeta Brasil 2019?

O Planeta Brasil 2019 começa ao meio-dia e vai até a meia-noite.

Quais os horários dos shows?

O SoundStage dá início à programação ao meio-dia, com M-Fisher. Às 13h, o palco Locals Only começa os trabalhos com Jão & Day. No Palco Sul, quem abre é Haikaiss & Clau, às 13h30. Melim começa a programação do Palco Norte às 14h.

Pra fechar a noite, Poesia Acústica às 22h (Locals Only), Raimundos às 22h15 (Palco Sul), Wiz Khalifa às 22h30 (Palco Norte) e Vini Vici no SoundStage (23h). Confira a programação completa abaixo:

horários planeta brasil 2019

Qual a previsão do tempo para o dia do festival?

O calorão que veio junto com o início do ano novo continua no dia do Planeta Brasil 2019. De acordo com o Climatempo, a máxima será de 29 graus e a mínima, de 18 graus. De modo geral, o sábado vai ser de sol com algumas nuvens e possibilidade de chuva rápida durante o dia e à noite.

Como chegar no Mineirão de transporte público?

As linhas de ônibus mais indicadas para chegar no festival são as seguintes:

  • Move 63 (Estação Venda Nova/ Lagoinha)
  • Move 64 (Estação Venda Nova/ Assembleia via
    Carlos Luz)
  • Move 67 (Estação Vilarinho/Santo Agostinho – via Carlos Luz)
  • Move 68 (Estação
    Vilarinho/Lagoinha)
  • Move 5250 (Estação Pampulha/ Betânia)
  • Move 5550 (Estação
    Pampulha/Estação Ponto São José)
  • Move 6350 (Estação Vilarinho/ Estação Barreiro Via Anel)
  • Move 5106 (Bandeirantes/ BH Shopping),
  • Circulares 503 e 504 (Santa Rosa/ Aparecida/ São
    Luís)
  • Suplementar 51 (Circular Pampulha)
  • Suplementar 53 (Confisco/ Pampulha/ São Gabriel)
  • Suplementar 54 (Dom
    Bosco/ Shopping Del Rey)

Você também pode colocar no Google Maps o seu ponto de partida e o Mineirão como destino para ter outras sugestões de trajeto de transporte público e também de carro.

Por quais portões será feita a entrada?

Quem comprou pista ou pista premium vai entrar pela portaria do Setor Sul (avenida Coronel Oscar Paschoal, aquela de frente para o CEU/UFMG).

Quem comprou camarote vai entrar pela portaria Norte (avenida Abrahão Caram, no portão que está sinalizado com a letra do setor F).

Aproveite e confira o mapa do festival para se orientar sobre os portões de entrada e também para saber a localização dos palcos:

planeta brasil 2019

O que vai ter para comer no Planeta Brasil 2019?

O Planeta Brasil 2019 vai ter opções gastronômicas diversificadas espalhadas pelo festival e algumas específicas por setor. Os preços vão variar de R$ 6 a R$ 30. Confira os destaques:

Camarote Norte

  • A Brasa (chef Kiki Ferrari) – barriga de porco assada em fogo de chão, caramelizada com creme agridoce de pimenta com gengibre
  • Ro.ZA Bistrô (chef Rodrigo Zarife)
  • Cantina Piacenza (chef Américo Piacenza)
  • Cozinha vegana (chef Carolina Fadel)
  • PandaWok (chef Mateus Gontijo)
  • Lullo Gelato (receita criada especialmente para o festival)
  • Destilaria YVY (carta de drinques exclusivos)

Pista Premium

  • Camaraderia (cozinha vegana): hot dog, mexidão ou um acarajé recheado com vatapá de castanhas e vinagrete

Pista

  • Foodpark com 25 foodtrucks e restaurantes da cidade (localizado no estacionamento G2)

Espalhados pelo festival

  • Estações com suco natural, açaí, água de coco, Biscoito Globo (Cokombi) e empanadas argentinas (Pizza Sur)

O que pode e o que não pode levar para o Planeta Brasil 2019?

Estes são os itens PERMITIDOS no festival:

  • Capa de chuva
  • Mochila
  • Câmera, inclusive profissional (porém, isso não concede o direito de acessar locais diferenciados)
  • Tapetes de yoga
  • Canga
  • Protetor solar
  • Barra de cereal (uma unidade por pessoa)
  • Snacks lacrados (uma unidade por pessoa)

Estes são os itens PROIBIDOS no festival:

  • Camelback
  • Garrafas de plástico (com ou sem tampa)
  • Bebida alcoólica
  • Cadeiras/banquinhos/cadeiras de praia (ou qualquer tipo de assento com material rígido)
  • Guarda-chuvas de qualquer tamanho
  • Objetos perfurocortantes (tesoura, estiletes, pinças)
  • Materiais ou objetos que possam causar ferimentos
  • Fogos de artifício e de estampido (de qualquer espécie)
  • Remédios sem autorização ou receita médica
  • Bandeira com mastro
  • Animais
  • Skate, patinetes, patins, bicicleta

Pré-festival: Planeta Talks by UNA

Além de se preparar para o Planeta Brasil, no sábado, você também pode reservar um espaço na agenda pra uma programação pré-Planeta.

Um dia antes do festival, na sexta (25), acontece o Planeta Talks by UNA, série de bate-papos com personalidades de destaque em diversas áreas para discutir temas que interessam no momento. O evento será n’A Central (Praça Rui Barbosa, 104, centro), das 9h às 21h.

A filósofa e escritora Djamila Ribeiro, a cantora e atriz Larissa Luz e a chef e apresentadora Bela Gil são algumas das convidadas. Criatividade, conexões offline e diferenças serão alguns dos temas debatidos.

Ingressos de R$ 15 (meia por sessão avulsa) a R$ 160 (inteira para todo o dia de programação, incluindo almoço no local). Mais informações sobre preços e programação completa aqui.

Não é de BH e tá pensando em vir pro festival de última hora? Veja esta lista de excursões para o Planeta Brasil

Gostou deste post? Temos muito mais pra você!

Receba nossas dicas, histórias e novidades de viagens para os melhores festivais de música do mundo.

Compartilhe este post

Priscila Brito

Sou jornalista e melômana, não sei se nessa ordem. Coleciono ingressos de shows desde 2001. Agora coleciono pulseiras de festival e carimbos no passaporte. Sou uma das mães do Festivalando e fiz Paul McCartney falar uai no Mineirão. Só porque eu gosto de música. Nas horas vagas, faço coisas sérias e tento salvar o jornalismo.

No comments

Add yours

Deixe seu comentário