viagem para o coachellaFotos: Coachella/Divulgação

5 fatos que mostram o Coachella 2018 causando antes mesmo de começar

Nos próximos dois fins de semana, entre os dias 13 e 15, e 20 e 22 de abril, o Coachella 2018 rouba uma parte das atenções do mundo com seu gigantismo e um hype que (ainda) não dá sinais de esgotamento. O que o festival e suas atrações vão causar nesses seis dias a gente não sabe. Mas a pré-causação já está rolando, como antecipação do que esperar.

Dos artistas à especulação imobiliária, passando pela tecnologia e segurança, nada nem ninguém passa ileso ao furacão Coachella.

1. Beyoncé vai levar 100 dançarinos pro palco

Queen Bey nunca faz nada abaixo do nível master do babado. Portanto, nada mais coerente do que contratar 100 dançarinos para “o” show. Este será seu retorno aos palcos pós-gravidez de gêmeos em um dos maiores festivais do mundo. A propósito, ainda tem uma dose extra de expectativa. Este show deveria ter ocorrido no Coachella do ano passado, mas foi cancelado por recomendação médica em função da gravidez.

O plano inicial era ter a companhia de 12 dançarinos, mas aparentemente Beyoncé achou pouco. Segundo o TMZ, a artista ampliou este número para uma centena de última hora e tem ensaiado até 11 horas por dia para o show que fará no sábado (14 e 21).

Fora isso, o fato de Beyoncé estar trabalhando em um novo disco levanta rumores de que ela talvez apresente um novo single durante o show. Por fim, há todas as surpresas que só a ambição e o poder de Bey são capazes de antecipar. A nós resta apenas esperar.

via GIPHY

2. Drones vão fazer a vigilância do Coachella 2018

A polícia local vai usar drones para monitorar o tráfego, o movimento do público e quaisquer outras situações necessárias no Coachella 2018. A medida é uma ação preventiva contra possíveis tentativas de ataques armados, como o que foi realizado pelo atirador Stephen Paddock. Ele matou 58 pessoas no festival Route 91 Harvest, em Las Vegas, em outubro do ano passado.

Além disso, equipes de segurança serão reforçadas e os chips implantados nas pulseiras servirão para monitorar o fluxo de público nas diferentes áreas do festival – fora as funções já conhecidas das pulseiras RFID.

3. Uma loja de discos com mais de 30 mil vinis novos e usados vai ser montada dentro do festival

coachella 2018

Chris Miller/Coachella/Divulgação

Há quem diga que as pessoas no Coachella se importam com tudo o que acontece ali, menos com a música. Mas a presença de uma mega loja de discos já há algumas edições talvez prove o oposto.

A Record Safari vai mais uma vez mudar de endereço, saindo de Jefferson City, a capital do Missouri, para funcionar provisoriamente no deserto de Indio.

Neste ano, serão mais de 30 mil títulos à venda. Haverá vinis usados e novos, incluindo alguns lançamentos do Record Store Day.

4. Tem gente cobrando meio milhão de dólares pelo aluguel de imóveis próximos ao festival

A especulação imobiliária é uma das práticas mais nojentas do ser humano. Nas datas do Coachella, ela atinge níveis que nem os piores adjetivos de todas as línguas do mundo juntas conseguiriam definir.

Um levantamento da Forbes listou os preços de aluguéis mais abusivos praticados na região do festival. O resultado é outrageous, como gostam de dizer os norte-americanos. Foram encontradas diárias de US$ 10 mil. Há ainda quem cobre meio milhão de dólares por um fim de semana em uma mansão.

Está certo que são imóveis de luxo e não quartos xexelentos improvisados para tirar um extra com o Airbnb. Mas será que tem tanta gente milionária assim disposta a fazer papel de trouxa?

5. Tecnologia imersiva continua sendo uma aposta no festival

Primeiro, foi o holograma do Tupac, lá em 2012. Em seguida, vieram os óculos de realidade virtual do Google como brinde. Mais recentemente, foi a vez do live stream em 360°. Dando continuidade ao que rolou em 2017, o Coachella 2018 tem em seu app um recurso de realidade aumentada. Ele proporciona experiências imersivas dentro do festival e também antes, pra quem recebe a caixa com a pulseira e outros brindes.

Babando de vontade de estar no festival na Califórnia? Então veja quanto custa viajar para o Coachella

Gostou deste post? Temos muito mais pra você!

Receba nossas dicas, histórias e novidades de viagens para os melhores festivais de música do mundo.

Tags coachella

Compartilhe este post

Priscila Brito

Sou jornalista e melômana, não sei se nessa ordem. Coleciono ingressos de shows desde 2001. Agora coleciono pulseiras de festival e carimbos no passaporte. Sou uma das mães do Festivalando e fiz Paul McCartney falar uai no Mineirão. Só porque eu gosto de música. Nas horas vagas, faço coisas sérias e tento salvar o jornalismo.

No comments

Add yours

Deixe seu comentário