" /> Quanto custa o seguro viagem? - Europa, Estados Unidos e América do Sul | Festivalando
quanto custa o seguro viagemPHOTOCREO Michal Bednarek via Shutterstock

Quanto custa o seguro viagem? – Europa, Estados Unidos e América do Sul

Se você chegou até aqui para saber quanto custa o seguro viagem é porque, certamente, está com receio de extrapolar o seu orçamento. Mas eu já digo de antemão: na comparação com todos os gastos que você está tendo na sua viagem – passagem, hotel, moeda estrangeira, o seguro viagem vai ser o mais barato deles.

Independentemente do custo, e antes de partir para esse detalhamento, é importante ressaltar que você não deve deixar de adquirir este serviço em hipótese alguma. Por quê? Na Europa, o seguro viagem é obrigatório e a falta dele pode ser motivo pra te barrar na imigração. Já na América do Norte, e em especial nos Estados Unidos, o custo com saúde é exorbitante e só uma consulta de emergência pode te custar cerca de US$ 350.

Em outras regiões do mundo, como América do Sul, África, Ásia e Oceania, não há obrigatoriedade. Mas tenho certeza que você não quer dar chance pro acaso e viajar pra tão longe sem proteção nenhuma.

Imagina não ter a quem recorrer se você tiver um mal-estar ou sofrer algum tipo de acidente (desde um mais simples, como quebrar um dedinho, até situações mais complicadas)? Pior: imagina ter que desembolsar dezenas ou centenas de dólares, euros, libras a mais porque você deixou de comprar um seguro viagem?

Portanto, a mensagem é clara: comprar o seguro viagem é tarefa obrigatória do seu planejamento.

Quanto custa o seguro viagem? – Variáveis

O preço do seguro viagem varia basicamente segundo os seguintes fatores:

  • A cobertura
  • A duração da viagem
  • A idade
  • A seguradora

A cobertura oferecida

A lógica seria pensar que coberturas menores têm preços menores e vice-versa, mas a realidade nem sempre é simétrica desse jeito, como veremos mais à frente.

Um ponto importante aqui é que, mais que prestar atenção no valor da cobertura, é considerar também se existe um pré-requisito de cobertura mínima do seguro viagem para a região/país de destino. Na Europa, por exemplo, além de o seguro ser obrigatório, ele deve ter pelo menos US$ 30 mil dólares de cobertura mínima.

A duração da viagem

A duração da viagem, esta sim afeta proporcionalmente o custo final do seguro; quanto maior a duração, mais caro o serviço.

A idade

A idade é uma variável que eventualmente interfere no preço. Algumas seguradoras ou planos segmentam os valores por idade, cobrando um valor mais alto para faixas etárias mais avançadas (a partir dos 60, 70 ou 80 anos). Outras seguradoras ou planos não fazem essa distinção por idade e cobram um mesmo valor para todas as idades.

A seguradora

Cada seguradora tem suas políticas de preço e isso é bem subjetivo para se cravar.

Quanto custa o seguro viagem? – Valores estimados

Para conseguir chegar a valores estimados de quanto custa o seguro viagem, foi utilizado o comparador da Real Seguro Viagem, empresa parceira do blog. A ferramenta deles compara os planos oferecidos por seis seguradoras. Portanto, as faixas de preço citadas abaixo referem-se apenas aos planos das seis seguradoras oferecidos dentro da plataforma da Seguros Promo. Outras empresas podem ofertar valores diferentes.

A pesquisa leva em conta uma viagem de sete dias de duração e considera os planos que não têm segmentação de idade. Tendo todos esses fatores em vista, o preço do seguro viagem pode variar de R$ 70 a R$ 600 reais.

Variação grande, não é mesmo? Para entender melhor essas diferenças, eu decidi separar os seguros em três grandes faixas de valores:

  • de R$ 70 a R$ 100
  • de R$ 100 a R$ 300
  • de R$ 300 a R$ 600

O que caracteriza cada uma delas?

Seguro Viagem de R$ 70 a R$ 100

A faixa que tem o seguro viagem mais barato, em média, oferece o seguinte:

  • Coberturas que variam entre US$ 30 mil e US$ 60 mil
  • Seguro bagagem de US$ 1.200, em média

Seguro Viagem de R$ 100 a R$ 300

A faixa de preço mediana do seguro viagem é a que tem mais variação:

  • Coberturas que partem de US$ 15 mil e chegam até US$ 250 mil
  • Seguro bagagem de no mínimo US$ 1 mil e no máximo US$ 2 mil

Seguro Viagem de R$ 100 a R$ 600

Na faixa de preço mais cara, as coberturas são maiores. Por outro lado, é preciso ter atenção com o valor oferecido pelo seguro bagagem. Às vezes ele é próximo do valor oferecido por planos mais baratos:

  • Coberturas entre US$ 330 mil e US$ 1 milhão
  • Seguro bagagem variável entre US$ 1.500 e US$ 4.500

Importante: Eventualmente, coberturas mais baixas podem ser encontradas nas faixas de preço mais caras e vice-versa, conforme a política de preço de cada empresa. Como dito acima, estes são valores estimados.

quanto custa o seguro viagem

Andrey Popov via Shutterstock

No fim das contas, que diferença faz saber quanto custa o seguro viagem?

Saber quanto custa o seguro viagem é uma informação fundamental para o seu bolso. Mas, pelas comparações acima, é possível deduzir que não é só o preço que conta. Aqui, o que vale é o famoso e infalível custo-benefício.

Você deve olhar o preço, sim, mas também deve botar na balança na hora de tomar sua decisão:

  • Se há obrigatoriedade de uma cobertura mínima no seu destino
  • O custo médio do serviço de saúde no país/região de destino. Quanto mais caro o serviço de saúde, o recomendável é que maior seja a cobertura (a propósito, os Estados Unidos estão no grupo dos países que mais cobram por atendimento de saúde)
  • Os serviços incluídos na cobertura. Não se limite apenas a olhar a cobertura total. Veja o que ela prevê. Por exemplo, alguns planos garantem assistência odontológica, outros não; alguns cobrem despesas de viagem de familiares caso você precise de um acompanhante; outros não. Preste bastante atenção nesses detalhes 😉

Para tomar a decisão mais acertada e economizar, use o comparador da Real Seguro Viagem. Você ganha 10% de desconto e pode comparar os planos para identificar aquele que tem o melhor preço, maior cobertura e a mais completa gama de serviços.

Gostou deste post? Temos muito mais pra você!

Receba nossas dicas, histórias e novidades de viagens para os melhores festivais de música do mundo.

Compartilhe este post

Priscila Brito

Sou jornalista e melômana, não sei se nessa ordem. Coleciono ingressos de shows desde 2001. Agora coleciono pulseiras de festival e carimbos no passaporte. Sou uma das mães do Festivalando e fiz Paul McCartney falar uai no Mineirão. Só porque eu gosto de música. Nas horas vagas, faço coisas sérias e tento salvar o jornalismo.

2 comments

Add yours
    • Priscila Brito 14 março, 2018 at 14:12 Responder

      Sim, Rafael. Pode ter essa variação conforme a seguradora também. Os preços do texto consideram apenas as seguradoras da plataforma da Seguros Promo e a Porto Seguro não se inclui entre elas. Vou colocar esse adendo no texto.

Deixe seu comentário