" /> Hotel perto da Torre Eiffel: Ibis Paris Tour Eiffel Cambronne | Festivalando
hotel perto da torre eiffelIbis Divulgação

Hotel perto da Torre Eiffel: Ibis Paris Tour Eiffel Cambronne

Assim como são muitas as opções de hotel em Paris, também são muitos os critérios que você pode usar na hora de escolher onde ficar na cidade. A proximidade com atrações turísticas é um deles, afinal, é um modo de facilitar o deslocamento e otimizar o tempo. Se este for o seu principal fator de decisão, ficar em um hotel perto da Torre Eiffel, como eu fiz, pode ser uma boa alternativa.

Na minha viagem para a capital francesa eu me hospedei no Ibis Paris Tour Eiffel Cambronne, que já indica a localização no nome.

Reserve aqui o Ibis Paris Tour Eiffel Cambronne

Hotel perto da Torre Eiffel: Ibis Paris Tour Eiffel Cambronne

Um dos muitos hotéis da rede Ibis pelo mundo, ele é exatamente aquilo que você encontra em qualquer outra unidade da marca. Logo, não há riscos ou surpresas. Os quartos, os serviços, o atendimento, a qualidade, tudo segue o bom padrão estabelecido.

Ao mesmo tempo, um hotel ou outro acaba tendo seu toque próprio em função da localização. No caso deste Ibis perto da torre Eiffel, o detalhe fica para o café do manhã. Além do que já se encontra normalmente nos hotéis da rede. o Ibis Paris Tour Eiffel Cambronne serve também itens típicos da confeitaria francesa preparados na hora, além de cortesias para viagem – bebida quente e fruta.

Localização

Mas o que interessa mais no hotel para os objetivos deste texto é a localização, e isso ele cumpre com louvor. Eu me lembro de chegar em Paris no meio da tarde, fazer o meu checkin, deixar as coisas no quarto e ir direto para a Torre Eiffel a pé. Se você prefere ou precisa de algum meio de transporte, sem problemas, pois são apenas três estações de metrô até lá.

O fato deste hotel ficar perto da Torre Eiffel significa que ele está perto também de algumas das outras principais atrações turísticas para quem vai a Paris pela primeira vez. A Champs-Élysées, o Arco do Triunfo e o Museu do Louvre, estão a poucas estações dali.

Estão próximos também vários outros museus dos muitos que existem em Paris. Dois que eu pessoalmente recomendo são o Musée du Quai Branly e o Musée d’Art Modern de la Ville de Paris, ambos a poucos metros da Torre Eiffel. Também muito perto dali estão as sedes dois grandes eventos da cidade, o hipódromo Paris Longchamp, que recebe o Lollapalooza Paris, e o Parc des Princes, que recebe o torneio de Roland Garros.

hotel perto da torre eiffel

Veja aqui mais fotos do hotel

Acesso

Como se não bastasse a boa localização que, como você pode perceber, além de ser perto da Torre Eiffel, é perto de vários outros pontos de interesse também, o Ibis Paris Tour Eiffel Cambronne tem ótimo acesso a outros pontos da cidade. Isso graças à proximidade com o metrô. A estação Cambronne, da linha 6, fica a somente 150 metros do hotel.

Melhor que isso, a linha 6 tem conexão com mais de outras dez linhas de metrô. Ela também tem conexão com linhas do RER (o sistema de trens urbanos de Paris), incluindo as com acesso direto ao Charles de Gaulle (RER B) e ao Palácio de Versailles (RER C).

Hotel perto da Torre Eiffel em Paris: Ibis Paris Tour Eiffel Cambronne

Quem procura um hotel em Paris perto da Torre Eiffel vai encontrar no Ibis Paris Tour Eiffel Cambronne uma opção segura. A boa localização em relação ao cartão-postal da cidade bem como outros pontos turísticos vem acompanhada do padrão da rede Ibis e de fácil acesso e deslocamento por Paris via metrô. Reserve aqui.

Confira mais recomendações de hotéis em Paris.

Esta avaliação é uma opinião pessoal baseada na minha experiência. A estada no hotel foi uma escolha pessoal e todo o custo da viagem foi pago por mim.

Compartilhe este post

Priscila Brito

Sou jornalista e melômana, não sei se nessa ordem. Coleciono ingressos de shows desde 2001. Agora coleciono pulseiras de festival e carimbos no passaporte. Sou uma das mães do Festivalando e fiz Paul McCartney falar uai no Mineirão. Só porque eu gosto de música. Nas horas vagas, faço coisas sérias e tento salvar o jornalismo.

No comments

Add yours

Deixe seu comentário