glastonbury 2019LaineN via Shutterstock

O Glastonbury 2019 é real-oficial: datas, preços e ingressos

Atualizado em 28/09/2018 – Depois da tradicional pausa de um ano que periodicamente é feita, o maior e mais antigo festival do mundo está oficialmente de volta. O Glastonbury 2019 acontecerá de 26 a 30 de junho do ano que vem (o camping será aberto no dia 26 e os shows acontecem do dia 28 em diante). Os ingressos começam a ser vendidos no dia 4 de outubro.

Glastonbury 2019: o que já é real-oficial

O cronograma de registro, venda e entrega de ingressos já está definido, assim como o preço das entradas: 248 libras + 5 libras de taxa, o equivalente a R$ 1.349 + R$ 27,20 (libra a R$ 5,44 na cotação de 17/09/2018).

Quem pretende comprar os ingressos pro Glastonbury 2019 deve prestar atenção no seguinte calendário:

1/10/18 – Prazo final para registro no site. O registro é obrigatório para todos os compradores. Além de informações básicas de contato, é preciso enviar uma foto no padrão de passaporte com no mínimo 900 x 1.350 pixels. O registro visa coibir cambistas. A recomendação da organização é que, no entanto, o registro seja feito até o dia 28/09. São necessárias até 48 horas para aprovação do registro e eventualmente pode ser preciso reenviar informações.

4/10/18 – Venda de ingressos + transfer a partir das 14h (horário de Brasília) neste site. Os transfers partem de diversas cidades do Reino Unido e o valor varia conforme o local de partida. Saindo de Londres, o trajeto ida + volta custa 57 libras (R$ 310). Veja aqui a tabela completa. No momento da compra, será cobrada uma primeira parcela de 50 libras (R$ 271,99). O restante será cobrado em abril.

7/10/18 – Venda de ingressos geral a partir das 5h (horário de Brasília) aqui. No fim do mês estarão à venda as opções de camping mais arrumadinhas, o chamado glamping.

01/04/19 – Cobrança do valor restante do ingresso (198 libras/R$ 1.077,99 + 5 libras/R$ 27,20 de taxa). Lembre-se de que esses valores em reais podem mudar drasticamente, conforme estiver a cotação da libra em abril de 2019. Em algum momento de abril ocorre também uma segunda fase de vendas, a chamada “ticket resale”, que disponibiliza os ingressos cujos pagamentos não foram honrados no dia 1º de abril.

8/05/19 – Início do envio dos ingressos via correios para quem optou por receber em casa. É possível também retirar os ingressos na Inglaterra por meio da opção “Box Office Collection”.

13/05/19 – Início do envio do e-ticket e voucher

12/06/19 – Previsão final para recebimento dos ingressos para quem optar pela entrega em casa.

Super dicas

A Luiza, que já conseguiu comprar ingressos para o Glasto três vezes, compartilhou nos comentários dicas para ajudar a conseguir os ingressos:

Sou uma sortuda que já foi ao Glasto 3 vezes e espero conseguir a 4ª ano que vem. Acho que uma boa dica de se colocar é que quem tiver interesse em comprar tem que ficar muito atento aos horários, ainda mais sendo o festival depois do fallow year, se os ingressos esgotarem em 15 minutos não ficaria surpresa. Outra dica que acho legal é lembrar que em abril acontece a resale, os ingressos que foram comprados mas os compradores não pagaram a “2ª parcela” são colocados a venda numa data divulgada pela organização. No primeiro ano que fui consegui os ingressos na resale.

No mesmo lugar

Além das datas e dos ingressos, também está confirmada a manutenção do local do festival. Em 2017, o organizador do festival, Michael Eavis, chegou a sugerir uma possível mudança de local, mas a Worthy Farm segue sendo a casa do Glasto em 2019.

glastonbury 2019

Steve Briscoe via Shutterstock

Glastonbury 2019: o que ainda não é real-oficial

Ainda não há informações oficiais sobre o lineup, apesar dos rumores e das tradicionais apostas feitas pelos britânicos. Diante da única pista dada até agora por Emily Eavis, chefona do Glasto, de que haverá uma headliner não-britânica, houve especulações em torno dos nomes de Madonna, Janet Jackson e Kylie Minogue.

Enquanto isso, os britânicos se divertem nas casas de apostas para adivinhar os possíveis headliners do Glastonbury 2019. Na casa de apostas Ladbrokes, Madonna liderou as apostas em junho. O Oasis também chegou a aparecer na ponta. Kendrick Lamar, Stormzy, Spice Girls, Arctic Monkeys, ABBA, dentre outros, também apareceram nos palpites.

Gostou deste post? Temos muito mais pra você!

Receba nossas dicas, histórias e novidades de viagens para os melhores festivais de música do mundo.

Compartilhe este post

Priscila Brito

Sou jornalista e melômana, não sei se nessa ordem. Coleciono ingressos de shows desde 2001. Agora coleciono pulseiras de festival e carimbos no passaporte. Sou uma das mães do Festivalando e fiz Paul McCartney falar uai no Mineirão. Só porque eu gosto de música. Nas horas vagas, faço coisas sérias e tento salvar o jornalismo.

11 comments

Add yours
  1. Renan Esteves 19 setembro, 2018 at 21:45 Responder

    Também fiquei sabendo que Madonna e Kylie estão cotadas pro Glaston. O problema é que a Madonna raramente toca em festivais. Sobre a Kylie Minogue, impressionante como ela é adorada no Reino Unido. Medina deveria pensar com carinho em trazê-la pro RIR, pelo menos como co-headliner.

  2. Luiza 27 setembro, 2018 at 19:55 Responder

    Oi Pri tudo bem? Sou uma sortuda que já foi ao Glasto 3 vezes e espero conseguir a 4ª ano que vem. Acho que uma boa dica de se colocar é que quem tiver interesse em comprar tem que ficar muito atento aos horários, ainda mais sendo o festival depois do fallow year, se os ingressos esgotarem em 15 minutos não ficaria surpresa. Outra dica que acho legal é lembrar que em abril acontece a resale, os ingressos que foram comprados mas os compradores não pagaram a “2ª parcela” são colocados a venda numa data divulgada pela organização. No primeiro ano que fui consegui os ingressos na resale.

  3. Emannuel 8 dezembro, 2018 at 23:06 Responder

    Eu li que o prazo pra comprar os ingressos já passaram, mas so uma dúvida: o Valor de 250 libras é referente a um dia do festival ou a todos ?

    Tenho muita vontade de ir, o jeito vai ser ir em 2021 que é a próxima edição né !?

    • Priscila Brito 10 dezembro, 2018 at 10:16 Responder

      Oi, Emmanuel! Esse valor é para todos os dias. Ainda tem uma segunda chance de comprar ingressos pro ano que vem, que é na revenda de abril. Os ingressos que tiveram a compra negada nesta primeira fase são recolocados à venda em abril. Não tem data certa, por isso tem que ficar de olho, e o número de ingressos é pequeno, mas vale a pena tentar.

  4. João 20 dezembro, 2018 at 10:34 Responder

    Pessoal ficou meio confuso a questão da entrega do ingresso pra quem escolheu receber em casa, se o festival é em Junho, como a entrega fica para Outubro de 2019?! Poderiam explicar melhor?

    • Priscila Brito 28 dezembro, 2018 at 11:23 Responder

      Oi, João! Gentileza a sua dizer que ficou meio confuso rs Estava errado mesmo 😛 Corrigi e aproveitei para complementar as informações. Então o correto é o seguinte: no dia 8 de maio começa o envio pelos correios e a previsão final para recebimento do ingresso é 12 de junho, exatos 14 dias antes do festival. E existe a possibilidade de retirar os ingressos lá também por meio da opção Box Office Collection no momento da compra.

  5. Lee Silva 23 maio, 2019 at 09:35 Responder

    Joao, Eu sempre optei por receber em casa e todos os anos ( esse eh o meu sexto Glasto seguido), eu recebi entre a primeira our segunda semana de junho, E ainda que nao receba (nunca ouvi falar de fato disso acontecendo), voce podera pegar uma segunda via la no dia, mais demorara ainda mais para entrar no festival dessa forma. Mais nao te preocupe, daqui uma ou duas semanas chegara e entao voce vai ver uma galera postando no Instagram!!!! Nao vejo a hora de voltar para o meu lugar mais favorito do mundo!!!!

  6. Lee Silva 23 maio, 2019 at 09:49 Responder

    Joao outra dica que posso lhe dar eh de Balada…. dos 2 ultimos anos a NYC Downlow foi votada a melhor nightclub de Glasto e para voce nao passar horas e horas na fila de entrada, leve uns bigodes falsos de adesivo e va direto para a entrada, eles dao esse bigodes falso como um homagem a cena em Nova York na decada de 80 e quando voce sair e quiser entrar denovo ao inves de mostrar um carimbo voce mostra o bigode falso. Eles fiseram isso pelos 3 ultimos anos nao sei se mudaram, mais todos os anos eu “pulo” a fila pq tenho, e descobri isso por acidente mais funciona!

Deixe seu comentário