viagem para o coachellaFotos: Coachella/Divulgação

Viagem para o Coachella: como se organizar

Eu sei: você já não aguenta mais essa vida de todo ano ver o Coachella do sofá (ou seja, o Couch-ella) e ficar nessa bad de “curtir” o festival de longe. Se você acha que já é hora de sair dessa vida e finalmente vivenciar o festival in loco, talvez já seja hora de começar a planejar sua viagem para o Coachella, que ocorre normalmente todo mês de abril, em Indio, na Califórnia.

Como eu também estou nessa (achei que esse ano ia rolar, mas não deu), fiz uma pesquisa detalhada sobre todos os paranauês necessários para viajar até Indio e se alojar para os três dias de festival. O post da nossa leitora Karina Bernardo, que contou pra gente como é ir ao Coachella, foi um bom ponto de partida pra eu me orientar. A seguir, compartilho as principais informações e etapas para a organização dessa viagem dos sonhos (aceito abraços de agradecimento).

Como organizar sua viagem para o Coachella – the basics

Não necessariamente nessa ordem, o que você precisa fazer para organizar sua viagem para o Coachella é o seguinte:

  • Tirar o visto
  • Comprar os ingressos
  • Comprar as passagens aéreas
  • Escolher como chegar até Palm Springs ou Palm Desert
  • Decidir se o melhor é acampar ou ficar em hotel

Tirar o visto americano

Sem tirar o visto para os Estados Unidos não tem viagem para o Coachella, nem nada, néam? Portanto, dê prioridade a esta etapa da viagem. A Lívia, amiga minha e da Gra, viajante como nós e também blogueira como nós lá no Eu Sou a Toa, tem um post ótimo com tudo muito bem detalhado e muito bem explicado sobre todo o processo para tirar o visto americano. Ela também dá dicas importantes para você seguir em todas as etapas. A mais importante de todas: faça tudo com a maior antecedência possível para evitar que imprevistos melem a sua viagem.

Atualmente, a taxa para o visto de visitante, que é aquele que você vai precisar para fins turísticos, é de US$ 160.

Não deixe também de adquirir seu seguro viagem para os Estados Unidos com até 15% de desconto. Nos Estados Unidos, não existe serviço público de saúde. Isso quer dizer que qualquer atendimento médico, por mais simples que seja, vai te custar preciosos dólares. Vai arriscar ou garantir que você estará amparadx caso haja algum imprevisto com a sua saúde? Aqui você pode pesquisar o melhor preço em várias seguradoras, comprar o que se adequar ao seu orçamento e ainda conseguir até 15% de desconto.

viagem para o coachella

Comprar ingressos para o Coachella

Depois do passaporte e do visto, este é o item mais importante do planejamento da sua viagem para o Coachella. É também o item mais crítico de todo o processo pois, como você já deve saber, a venda de ingressos para o Coachella é bem parecida com uma batalha campal. É importante você saber que os ingressos são vendidos em duas fases:

1) Pré-venda: geralmente no meio do ano, em junho, pouco menos de um ano antes do festival, que normalmente é em abril. A pré-venda é feita totalmente às escuras, ou seja, sem que tenha sido anunciado o lineup. Por outro lado, na pré-venda é possível parcelar a sua compra. Em 2015, foi possível parcelar em até sete vezes

2) Venda geral: ocorre em janeiro, faltando cerca de três meses para o festival. Nesta fase não há possibilidade de parcelamento de ingressos e, normalmente, já se sabe o lineup (ou, pelo menos, alguns nomes já terão vazado)

Quanto? US$ 375 para os três dias (preço do ingresso para o Coachella 2016)

IMPORTANTE: Assim que é aberta a venda de ingressos, são postos à venda também os pacotes completos, que incluem ingresso + hotel + transfer. Decida de antemão se você vai ficar em hotel ou acampar para saber se comprará o ingresso separadamente ou no pacote. Mais informações sobre hospedagem nos tópicos a seguir.

Veja como se preparar para comprar ingressos para o Coachella

Passagens aéreas para os EUA e viagem até Indio

viagem para o coachella

Primeiramente, é preciso destacar que Indio, onde acontece o Coachella, é uma cidade pequena, com poucos habitantes, sem aeroporto e praticamente sem rede hoteleira. Uma das melhores opções é voar até Los Angeles e, a partir de lá, decidir a melhor maneira de terminar a sua viagem. Há diferentes formas de se chegar até Indio a partir de LA, inclusive com o suporte do festival. Você pode:

  • Ir direto do aeroporto de Los Angeles até Indio utilizando os shuttles oficiais do Coachella. Eles são vendidos no site quando são abertas as vendas de ingressos. Esta é a opção mais razoável se você for acampar
  • Ir de Los Angeles até Palm Springs ou Palm Desert, que são as cidades mais próximas de Indio. Esta é a opção mais razoável se você preferir ficar em hotel. Como eu disse, essas duas cidades são as mais próximas de Indio e é nelas onde ficam os hotéis da região e também de onde partem os shuttles oficiais para o Coachella. Em resumo, elas serão a sua base. De Palm Springs até Indio são 30 minutos de viagem e de Palm Desert até Indio, 18 minutos.

Para ir de LA até Palm Springs ou Palm Desert há duas opções:
1) De shuttle oficial. Os transfers vão direto para os hotéis dos pacotes vendidos no site do festival (mais detalhes sobre os hotéis no tópico seguinte). Para o Coachella 2016, o serviço de transfer custou US$ 60 (válido para os três dias).

2) De ônibus. Esta foi a opção usada pela Karina Bernardo, a nossa leitora que foi ao Coachella

3) De avião. Neste caso, será uma conexão a mais na sua viagem e só é possível para Palm Springs. Ela tem aeroporto; Palm Desert, não.

Crie alertas de passagens para Los Angeles

viagem para o coachella

Onde ficar durante o Coachella

Como já foi mais ou menos adiantado acima, você pode escolher entre acampar ou ficar hospedado em hotel durante o Coachella – eu já dei aqui algumas boas razões para acampar em festival, mas a escolha depende muito do seu perfil, preferências e do seu orçamento.

Hotéis para o Coachella

Como eu também já disse, se a sua vontade for voltar toda noite para dormir no conforto de uma cama, você fatalmente se hospedará nos hotéis de Palm Springs ou Palm Desert. Neste caso, você tem duas opções:

1) Comprar os pacotes que são vendidos diretamente no site do Coachella ou pela nossa parceira, a FesticketOs pacotes já vêm com ingresso e transfer e são vendidos assim que é aberta a venda de ingressos. Eles estão disponíveis para duas ou quatro pessoas e os preços variam bastante. Em 2016, o pacote mais barato (lembre-se: ingresso + hotel + transfer) custava US$ 2 mil e o mais caro, mais de US$ 6 mil.

Consulte preços de pacotes para o Coachella

2) Pesquisar por conta própria hotéis em Palm Springs ou em Palm Desert. Neste caso você terá que comprar os shuttles separadamente. É bom lembrar que eles serão invariavelmente necessários, pois a área do festival fica a cerca de 5 km do centro de Indio, e por lá não há circulação de transporte público. É no deserto, amiga!

Reserve hotéis em Palm Springs ou hotéis em Palm Desert

Nossos leitores reservaram os seguintes hotéis*:

Palm Springs
Vagabond Inn Palm Springs
Quality Inn Palm Springs
Desert Vacation Villas
Ivy Palm Resort and Spa

Palm Desert
International Hotel & Suites

Indio
Indio Super 8 & Suites

*Reservas feitas a partir de links do nosso site.

Acampar no Coachella

Esta é a opção para quem está disposto a encarar um teste de resistência ou para quem quer viver aquele clima de DON’T STOP THE FARRA. Você pode acampar de duas formas:

1) Na área de camping do Coachella. Você deve comprar o passe para o camping quando comprar o ingresso, pois ele é cobrado à parte. Para o Coachella 2016, o passe para o camping custou US$ 99.

2) Nas áreas de camping externas. São como grandes sítios ou chácaras, ficam próximos à área do festival e são recomendadas pelo próprio Coachella. Você pode ver uma relação delas aqui.

Dúvida: ir no Coachella no fim de semana 1 ou 2?

O Coachella sempre acontece em dois fins de semana consecutivos, exatamente com a mesma programação. A demanda por ingressos é tão voraz que é preciso fazer uma reprise de tudo. Aí vem a dúvida: se a programação é a mesma, faz diferença ir em um ou outro? Ou não?

A Karina Bernardo, nossa leitora, disse que acha mais legal o primeiro fim de semana porque é onde todas as surpresas acontecem. Essa foi a escolha dela quando fez sua viagem para o Coachella. Eu, na base da intuição, optaria pelo segundo por imaginar que seja menos badalado, com menos celebridades e menos furdunço, já que todo o bafafá do primeiro fim de semana terá passado.

O fato é que os ingressos para ambos os fins de semana praticamente se evaporam, sendo assim, seja lá qual for sua escolha, decida-se antes mesmo de fazer a compra para não perder tempo pensado. 😉

Gostou deste post? Temos muito mais pra você!

Receba nossas dicas, histórias e novidades de viagens para os melhores festivais de música do mundo.

Compartilhe este post

Priscila Brito

Sou jornalista e melômana, não sei se nessa ordem. Coleciono ingressos de shows desde 2001. Agora também coleciono pulseiras de festival e carimbos no passaporte. Além de uma das mães do Festivalando, sou colaboradora da Mixmag e do Brasil Post e autora do Porque eu gosto de música. Também ajudei Paul McCartney a falar uai em pleno Mineirão.

4 comments

Add yours
  1. Felipe Santos 16 abril, 2017 at 16:21 Responder

    Menines, me ajude.
    Como faço com as “malas” uma vez que escolha acampar no festival?

    Sabe me informar se nas barracas do festival há saco de dormir, travesseiro, cama:?

    • Priscila Brito 16 abril, 2017 at 20:03 Responder

      Ei, Felipe! O Coachella tem lockers de diferentes tamanho. Não sei se são grandes o suficiente pra você guardar uma mala, mas servem pelo menos pra guardar os itens de maior valor. Você compra o serviço pelo site mesmo. Sobre as barracas, tem travesseiro e saco de dormir nas barracas do Lake Eldorado e no Safari, que são duas modalidades de camping mais caras. No camping normal e mais barato de todos, você tem que levar sua barraca e todos os outros equipamentos.

  2. Renato Semensatto 24 abril, 2017 at 10:31 Responder

    Olá Pricila, gostei da sua publicação. Estou pensando em alugar um Motorhome para 2 dias de festival, saindo de Las Vegas ou de Los Angeles, o que acha? Talvez eu leve minhas duas filhas ainda pequenas (9 e 7 anos)…

    • Priscila Brito 24 abril, 2017 at 19:59 Responder

      Oi, Renato! É um roteiro factível e o Coachella não tem restrição de idade, desde que menores estejam acompanhados dos responsáveis (menores de 5, inclusive, não pagam ingresso). Espero que faça uma viagem memorável com sua família 🙂

Deixe uma resposta