dicas de turimo em bergenBergen. Ph: Luca Santilli via Shutterstock

Dicas de turismo em Bergen (Noruega)

É sempre um prazer relembrar minhas passagens pela Noruega. E hoje, fiquei especialmente contente em dar dicas de turismo em Bergen, a segunda maior cidade do país. Pois quando eu cheguei à Bergen, me senti em casa. Afinal, a cidade é rodeada por 7 lindas montanhas. Como mineira que se preze, fiquei bem feliz com aquele visual todo.

Pra quem está planejando viajar para a Noruega e colocou apenas a capital no roteiro, este post é um apelo para que reconsiderem! Bergen é uma cidade linda, apesar de ser uma das mais chuvosas da Europa setentrional. Portanto, não esqueçam seus artefatos para chuva. Além da beleza natural de montanhas e fiordes, há também uma grande diversidade arquitetônica, com edifícios que vão te fazer olhar para o passado daquela cidade e imaginar seu futuro. Tudo isso forma algo que encanta muito os olhos. Inclusive, o conjunto arquitetônico de Bryggen (um passeio do qual falaremos) é tombado pela Unesco como patrimônio cultural mundial.

Como ir de Oslo até Bergen?

As nossas dicas de turismo em Bergen começam justamente pelo incentivo da sua viagem Oslo-Bergen. É muito fácil e há várias opções. Você pode ir de Oslo até Bergen por:

  • Avião: Esta é a opção mais rápida, pois são apenas duas horas de viagem. Também há voos lowcost saindo diretamente do aeroporto interncional de Oslo (Gardermoen) para o aeroporto de Bergen (Flesland). Ambos aeroportos estão muito bem contectados com linhas de trem que levam aos centros das cidades. Os bilhetes podem ser comprados tranquilamente em terminais nas próprias estações anexas aos aeroportos. Nas cias lowcost norueguesas, você pode encontrar passagens a partir de 100 euros, por exemplo.
  • Trem: também é possível viajar de Oslo a Bergen por trem. Neste caso, a viagem vai durar 6 horas e vai custar no máximo 60 euros. Os trens são muito confortáveis, além de a paisagem ser linda. Há muita gente que prefere, principalmente porque se fica livre do stress de embarque em aeronaves etc. Há trens saindo de ambas as cidades pelo menos três vezes ao dia.
  • Carro: Também é uma viagem longa. Vão ser de 6 a 7 horas. Além disso, o combustível vai ficar em uma média de 120 euros, fora o valor do aluguel de carro no local. Mas, para quem viaja em grupo, pode ser uma boa alternativa e com mais liberdade de fazer o que bem entender da rota.

Onde ficar em Bergen

Em Bergen, quando você opta por se hospedar na parte central da cidade, a maior partes das atrações pode ser vista em caminhadas pelo centro. Poucas vezes você vai precisar usar o transporte público Por isso, escolhi este hotel, que tinha baixo custo na região. Apesar do valor econômico, o hotel era muito limpo e confotável. Somente o café da manha deixou a desejar.

Mas ainda há várias opções com conforto e bom preço na cidade. Por exemplo, as que separamos no post sobre onde ficar em Bergen para turismo e festivais. Ainda compensa ressaltar que separamos os hotéis também por regiões e interesses. Assim, compensa muito dar uma olhada no que escrevemos, está bem completinho.

Veja outras opções de hotéis com os melhores preços em Bergen

Dicas de turismo em Bergen: passeios e excursões

Bergen é uma cidade pequena. Difere bastante de outras grandes capitais da Europa. No entanto, há muitas histórias interessantes para se descobrir na cidade.

#1 – Passear em Bryggen

Bryggen é tombado como patrimônio cultural da humanidade pela Unesco.Também é um local conhecido como cais, ou simplesmente onde se amontoam casinhas coloridas de frente pra água em Bergen. Antigamente, foi um local de extrema importante para o mercantilismo no país e negócios com alemães. Com o passar dos anos, o local tornou-se um centro turístico comercial. Há muitas lojas ( inclusive de souvenirs), restaurantes e também o Museu Bryggen e Hanseático. Uma das caminhadas mais ricas e gostosas de se fazer na cidade.

#2 – Comer no Mercado de Peixes

O Mercado de Peixes de Bergen na verdade é um local multicultural. Apesar de haver vários pratos com peixes e frutos do mar, reflexo da tradição culinária local, você também encontrará gente de todo o mundo nas barraquinhas e alguns pratos de outros países. Eu, inclusive, me deparei com argentinos e brasileiras.
Uma refeição típica com peixes fresquinhos e batata vai sair em torno de 23 euros. Foi uma delícia!

dicas de turismo em Bergen

Teleférico no monte Ulrike. Ph: Samot via Shutterstock

#3 – Subir o Monte Ulriken

Bergen é cercada por 7 montanhas e a Ulriken é a mais alta delas, com 643 m de altitude acima do nível do mar. Uma das opções para quem gosta de turismo de esporte é fazer hiking na montanha. ( A gente recomenda a caminhada com um guia, para ter um monte de iformações e dicas úteis).

Há também a possibilidade de subir de teleférico e os bilhetes vão ser comprados em pontos ao pé da montanha. Assim, você pode escolher como vai subir. Mas subindo, tenha a garantia de uma vista única e panorâmica da cidade. No topo, você também vai encontrar lojinha e restaurante.

O Combo ônibus do centro de Bergen + teleférico ( ida e volta) fica em torno de 30 euros, dependendo da estação.

#4 – Subir o Fløyen de teleférico ou caminhando

Fløyen é outro monte muito visitado em Bergen. Ela tem apenas 425 metros de altitude. Assim, a subida a pé é menos penosa e mais rápida. Apesar disso também há o teleférico pra subir no local. Você paga cerca de 10 euros e fica 8 minutinhos no funicular até chegar ao topo.
Também há restaunrante, lojinha e um espaço recreativo, inclusive com um troll gigante super simpático.

#5 – Especial turismo musical (Fantofte church)

Boa parte da história da Noruega ( recente e anterior) se faz em torno das igrejas de madeira. Pra quem gosta de música e conhece a cena do Black Metal Noruguês sabe que essas igrejas não são apenas igrejas. São pontos de peregrinação para fãs do metal extremo. Bergen, inclusive tem a Fantofte, queimada em 1992 pelo líder da banda Burzum.

Ela foi reconstruída devido ao seu imenso valor. Afinal, trata-se da igreja mais antiga do país ( data de 1150 a sua primeira instalação. Depois a construção foi movida para as proximidades de Bergen no século 19). Além disso, seus escombros e cinzas ficaram eternizados na capa do disco do Burzum intitulado Aske (cinzas).

#6 – Excursões turísticas tradicionais

Para quem gosta de conhecer a história local e os principais pontos turísticos acompanhado de um guia, há excursões com um local em Bergen. Na verdade, esta é uma opção bem procurada.

Também é possível conhecer Bergen de segway e também caminhando sozinhx, guiado por um áudio que é baixado na internet.

Leia também um tour alternativo pela Noruega

Mais opções de turismo em Bergen

Gostou deste post? Temos muito mais pra você!

Receba sempre nossas dicas, histórias e novidades sobre viagens para os melhores festivais de música do mundo.

Compartilhe este post

Gracielle Fonseca

Não faço nada na vida sem paixão. Tanto que, pra me formar em Jornalismo, tive que fazer um TCC sobre metal, o Ruído das Minas: a origem do heavy metal em BH. Também decidi que faria o primeiro documentário no mundo sobre Mulheres no Metal, o Women in Metal, e fiz. Comecei a ir em festivais de metal internacionais em 2009. Desde então, viajar em busca da música, essa outra paixão, tornou-se um projeto profissional que hoje chamamos de Festivalando.

No comments

Add yours

Deixe seu comentário