blastfestBlastfest 2015. Photo by: jarlehm.com

Quanto custa ir para o Blastfest (e para Bergen)?

A gente quer responder quanto custa ir para o Blastfest (e para Bergen), mas não é para te desanimar. A princípio, é preciso dizer que sim, é caro mesmo. Você precisa se preparar com certa antecedência pois, uma viagem à Noruega é sempre cara, até mesmo para pessoas que se originam de países com padrões salarias mais altos do que os nossos. Por exemplo, até os dinamarqueses que conheci achavam caro ir à Noruega.

Essa viagem tem que ser uma viagem de sacrifícios, então, para a maioria das pessoas. Outras  que têm uma grana maior disponível também não podem bobear, pois o valor dos produtos e serviços noruegueses vêm sempre com taxas altas embutidas, para garantir todo o sistema de bem estar social do país (o que é mais do que justo quando as coisas funcionam – o que é o caso da Noruega, mas não o nosso =/).

Para essa estimativa de custos, não vamos ousar a fazer a categoria O-S-T-E-N-T-Ç-Ã-O, uma vez que colocar os seus pésinhos nesse festival já significa ostentação suficiente, rsrs. Mas, vamos destrinchar aqui quanto seria a sua aventura no modo pé-de-chinelo style, e também no modo turista econômico, para você ter duas opções.

Algumas considerações precisam ser feitas antes de tudo:

  • Você não precisa de ficar em um hotel 5 estrelas na Noruega para ser bem atendido. Ficando em locais de 1 a 2 estrelas, você vai encontrar quartos limpos e bem planejados.
  • Você não vai beber como um doido, pois a cerveja é muito cara! Comprar no supermercado para beber dentro do hotel é uma boa opção. Mas nos bares, não podemos pensar em beber mais do que três cervejas por dia. Às vezes até menos.
  • As distâncias são pequenas. Portanto, ande a pé, o máximo que puder. Assim já vai economizar bastante.

Turista econômico:

Nesse caso, consideramos que você vai ficar 7 dias em Bergen: 4 para o festival, e outros três com compromisso só com o turismo ( e olha que tem muito lugar para ver, como vamos preparar em um post, em breve). Também consideremos que você dormirá em um hotel na região central, em um quarto só seu. Esse hotel, entretanto, não vai ter firula. Aqui consideramos o transporte com uma margem boa de deslocamento, que inclui a sua passagem de ida e volta para a Noruega, bem como o transporte do aeroporto até Bergen e a grana que você usará com os tickets unitários de transporte ( em média 35 NOK, ou 16 reais). O rango,primeira dica: destrua tudo o que vir pela frente no café da manhã do hotel, rs. Coma muito, até não aguentar mais! Fora isso, você terá direito a comer em kebabs e fast food, gastando algo em torno de 100 NOK(45 reais) por dia, mas reservando um dia para gastar com um prato típico da região, em um restaurante menos caro, que vai te cobrar 200 NOK (90 reais) por uma refeição legal. Também consideramos que você beberá no máximo 3 cervejas por dia, dando preferência às compradas no supermercado e levadas para o quarto do hotel, blz? Um troquinho para as lembrancinhas não foi previsto, mas você pode separar até 150 NOK (70 reais) se quiser levar um ogrinho, vikingsinho e tal.

economico

Reserve um hotel em Bergen pelo Booking.com.

[email protected] pé-de-chinelo style:

Esse a gente pratica e garante: é sofrido, mas é um jeito possível de fazer as coisas. Portanto, prepare sua lista de amigos noruegueses no Couchsurfing, avise que você ficará para os 4 dias de festival e mais 1 dia para conhecer alguma coisa de Bergen. Você vai andar a pé pra caramba, e sem reclamar. Vai comer só o que você comprar no supermercado, considerando que 400 reais deve dar para você comprar lanchinhos, pão, salame, queijo para preparar sua comida para esses 5 dias. Separe algo para comprar algum belisquete durante o festival, mas saiba que vai ser no mínimo 30NOK (14 reais). Aqui está proibido o álcool comprado. Arranje amigos legais que te embebedem. Do contrário, você não terá sucesso econômico. Com planejamento, você também pode se candidatar à voluntário no festival do próximo ano, e ficar livre de pagar 1000 dilmas pelos ingressos, hein?! Fica a dica!

New Infographic

Compre aspassagens para Bergen com o melhor preço.

Gostou deste post? Temos muito mais pra você!

Receba sempre nossas dicas, histórias e novidades sobre viagens para os melhores festivais de música do mundo.

Compartilhe este post

Gracielle Fonseca

Não faço nada na vida sem paixão. Tanto que, pra me formar em Jornalismo, tive que fazer com 2 colegas um TCC sobre metal, o Ruído das Minas: a origem do heavy metal em BH. Também decidi que faria o primeiro documentário sobre as Mulheres no Metal, o Women in Metal, e fiz. Foi por paixão também que larguei um emprego público, para me aventurar pelo mundo dos festivais com a Pri.

No comments

Add yours

Deixe uma resposta

Close