" /> Próxima parada: Popegoja, Suécia. | Festivalando

Próxima parada: Popegoja, Suécia.

Que venham aqueles que amam música. A produção do Popegoja intimou, e nós atendemos! Não só porque amamos música, mas também pelo fato de o festival acontecer em Malmö, cidade da Suécia que fica a 1 hora da nossa base atual, a Dinamarca. Aqui, sueco e dinamarquês é igual brasileiro e argentino. Mas faremos essa petulância de, logo após o Roskilde, corrermos paras as terras da rainha Sílvia, do Abba, mas também do Bathory e do Dissection ( uma preza para a metaleiragem!).
Vamos deixar [email protected] [email protected] dinamarqueses para atravessar a ponte de Øresund e passear pelo Folkets Park, um dos pontos turísticos mais visitados de Malmö, e onde também acontece o Popegoja.
Esse indie festival na verdade é só um baby, comparando-se aos outros festivais de música quase jurássicos da escandinávia. 2014 é apenas o segundo ano de realização do evento. Além de trazer muita música nova de artistas que são na maioria independentes, o Popegoja ainda é gratuito! Para esses suecos, nada mais justo do que receber pessoas para um piquenique no parque, regado a música boa. Como eles mesmos dizem, o festival é uma grande oportunidade para aqueles que ainda não conseguiram fazer parte de nenhum dos festivais de verão na Europa.
Além dos shows, o festival também promete exposições de arte, performances e comidas diferenciadas. As atividades acontecem hoje e sexta, de 4 da tarde até as 10 da noite.

Programblad
O site, infelizmente, está todo em sueco. Mas como nós, você pode pedir uma forcinha para o google tradutor e ver mais sobre o evento: http://popegoja.se/
No mais, acompanha o Festivalando, pois o nosso compromisso é pinçar o que vai ter de mais legal por lá.

Compartilhe este post

Gracielle Fonseca

Não faço nada na vida sem paixão. Tanto que, pra me formar em Jornalismo, tive que fazer um TCC sobre metal, o Ruído das Minas: a origem do heavy metal em BH. Também decidi que faria o primeiro documentário no mundo sobre Mulheres no Metal, o Women in Metal, e fiz. Comecei a ir em festivais de metal internacionais em 2009. Desde então, viajar em busca da música, essa outra paixão, tornou-se um projeto profissional que hoje chamamos de Festivalando.

No comments

Add yours

Deixe seu comentário