onde ficar em Kaprun, Zell am See, ÁustriaTadeas Skuhra via Shutterstock. Demais fotos: Priscila Brito

Onde ficar em Kaprun, Zell am See, na Áustria

A vila de Kaprun, no distrito de Zell am See, na Áustria, é um destino que precisa estar no seu roteiro se você está à procura de estações de esqui na Europa. Razões para isso tem de sobra. Quando se fala de esqui, os austríacos só rivalizam com os suíços em tradição e opções. Além disso, tem uma localização estratégica: fica muito perto de Munique e de Salzburgo, favorecendo um roteiro daqueles. Achar um lugar onde ficar em Kaprun também não tem mistério, pois a vila é pequena.

A estação de esqui de Kitzsteinhorn, grande atração da cidade, leva o nome da geleira onde ela foi construída e fica a 3.029 acima do nível do mar. Quem chega de trem (com opções pela Deutsche Bahn e OBB, companhias de trem da Alemanha e Áustria, respectivamente) deve ficar na estação central de Zell am See. De lá você chega de ônibus ou táxi até Kaprun, num trajeto rápido de apenas 15 km. Se quiser esticar o roteiro, são cerca de três horas e meia até Munique e duas horas até Salzburgo (de trem; imagem da estrada na segunda foto abaixo). De carro o trajeto pode ser ainda mais rápido.

wow glacier love

Eu estive lá logo na abertura da temporada de inverno, quando acontece o WOW Glacier Love. É um festival de música eletrônica com shows na geleira de Kitzsteinhorn (durante o dia) e na cidade (durante a noite). Ou seja, para quem vai atrás de música e festivais como a gente, Kaprun oferece mais motivos ainda para uma visita.

Além da boa fama das estações de esqui austríacas, da localização estratégica, facilidade de acesso e programação cultural como o festival, Kaprun ainda é uma cidade bucólica, quase saída de um conto de fadas de tão fofinha.

Onde ficar em Kaprun, Zell am See, Áustria: minha recomendação de hotel

Eu fiquei no hotel Kaprunerhof, uma das muitas construções da cidade com esse ar bucólico. Ele fica instalado em um casarão com aconchegante confortável e quentinho por dentro. Logo atrás passa um riacho. Da varanda do quarto e do salão do café da manhã você avista o topo da Kitzsteinhorn.

wow glacier love

Fora toda essa beleza de encher os olhos, o hotel é super confortável, ótimo para relaxar. Tem sauna, spa, massagem, um café da tarde delicioso e um restaurante ótimo para jantar depois de passar o dia na estação de esqui (ou antes de sair para o festival, no meu caso hehe).

Outras opções de hotéis em Kaprun

Para quem está com folga no orçamento de viagem, este hotel aqui é um dos mais requintados. Já para quem prefere gastar menos, este hotel aqui tem um dos preços mais competitivos. Tem também esta pousada. Quem prefere alugar uma propriedade também vai encontrar opções. Tem este apartamento, este aqui e também este chalé.

Se preferir, você pode escolher onde ficar em Kaprun verificando todas as propriedades da cidade. Uma dica: como a cidade é pequena e super famosa pela estação de esqui, as opções se esgotam com certa facilidade. Não pense muito na hora de reservar 😉

Vai viajar para a Áustria? Faça agora o seu seguro viagem. Ele é exigido para entrar na Europa, e se você não apresenta-lo será barradx na migração. Além disso, é a garantia de que você estará amparadx caso haja algum imprevisto com a sua saúde. Aqui você pode pesquisar o melhor preço em várias seguradoras, comprar o que se adequar ao seu orçamento, conseguir um desconto e parcelar sem juros.

Gostou deste post? Temos muito mais pra você!

Receba nossas dicas, histórias e novidades de viagens para os melhores festivais de música do mundo.

Compartilhe este post

Priscila Brito

Sou jornalista e melômana, não sei se nessa ordem. Coleciono ingressos de shows desde 2001. Agora coleciono pulseiras de festival e carimbos no passaporte. Sou uma das mães do Festivalando e fiz Paul McCartney falar uai no Mineirão. Só porque eu gosto de música. Nas horas vagas, faço coisas sérias e tento salvar o jornalismo.

No comments

Add yours

Deixe uma resposta

Close