rock in rio clubMartini/I Hate Flash/Rock in Rio

O Rock in Rio Club vale a pena?

Dois meses já se passaram e ainda não superamos aqui no Festivalando o assunto Rock in Rio. Desta vez, o motivo para falar do festival, que só volta a acontecer no Brasil daqui a dois anos, é uma dúvida que já vimos circulando por aí: o Rock in Rio Club vale a pena? O programa de fidelidade do festival promete uma série de benefícios mediante o pagamento de uma taxa. Porém, parece que nem todxs têm certeza de que a adesão realmente representa vantagens. Ou talvez não saibam exatamente como funciona o serviço. Vamos ponderar, então.

Entendendo o Rock in Rio Club

Retomando, o Rock in Rio Club é um programa que te oferece certos benefícios para uma edição do festival mediante o pagamento de uma taxa única de R$ 97, um valor bem razoável. Ou seja, se você se associar agora, poderá usufruir do serviço até o fim do Rock in Rio 2019.

Como o Rock in Rio Lisboa está incluído dentro deste período de tempo, os benefícios são válidos para ele também e para possíveis edições do festival que aconteçam em outras partes do mundo até 2019. Se você quiser continuar tendo as vantagens no Rock in Rio 2021, terá que fazer a renovação em 2019 (atualmente no valor de R$ 79) e assim por diante.

Atualmente, o Rock in Rio Club oferece o seguinte aos associados:

  • Acesso à pré-venda de ingressos, com direito à compra de no máximo quatro ingressos por dia por CPF, sendo apenas uma meia-entrada por dia. Não há prioridade para membros do club na venda geral. Mas você pode comprar mais ingressos na venda geral desde que não tenha esgotado sua cota diária na pré-venda do club
  • Entrada na Cidade do Rock 30 minutos antes da abertura dos portões
  • Fila exclusiva na entrada do festival
  • Convite para o preview da Cidade do Rock (poucos dias antes do início do Rock in Rio, há um evento na Cidade do Rock fechado à imprensa, convidados e membros do clube para apresentar a estrutura do festival. É uma espécie de mini Rock in Rio)
  • Participação em sorteios e promoções
  • Desconto de até 20% em produtos oficiais do Rock in Rio

E aí?

O Rock in Rio Club vale a pena se…

O Rock in Rio Club vale a pena se você é aquela pessoa fanática, apaixonada pelo festival e não consegue se imaginar fora dele, como a nossa amiga Kênnia, que foi em todas as edições do Rock in Rio. Enfim, vale a pena se você é uma pessoa que quer estar lá independentemente de quem vai tocar. Sabemos como a venda de ingressos é concorrida. Por essa razão, ter acesso à pré-venda, um benefício do clube, praticamente te garante lá dentro.

Se você é a maior fã que existe no mundo da banda X, sabe que há grandes chances dela estar no festival, e não sai de casa se não for pra ficar na grade, o Rock in Rio Club vale a pena também. Como membro do clube, você poderá entrar antes de todo mundo e garantir um lugar na grade. Vai ver até os pingos do suor no rosto do seu ídolo!

rock in rio club

Fernando Schlaepfer/I Hate Flash/Rock in Rio

Porém, o Rock in Rio Club NÃO vale a pena se…

O Rock in Rio Club não vale a pena se você é o tipo de pessoa que espera a confirmação do lineup para decidir se vai ou não. A pré-venda, uma grande vantagem do clube, é feita no escuro, sem que se saiba ainda quem vai tocar. Se você só vai dependendo dos artistas escalados, é óbvio que não vai comprar um ingresso de praticamente R$ 500 nessas condições.

Além disso, a maioria dos demais benefícios oferecidos só têm efeito, digamos, “da porta do festival pra fora”. Não há vantagens que façam a diferença na experiência que se tem lá dentro, a não ser a possibilidade de conseguir grade, interessante apenas para os ultra-fanáticos por uma atração X ou Y, como dito acima.

Não tem fila exclusiva para comprar bebida ou comida, banheiros separados, lugares de descanso garantidos, brindes ou coisa parecida. Conforto só mesmo na área VIP e essa é praticamente ocupada pelo elenco da Globo, que é a grande parceira de mídia do festival, e convidados da organização e dos patrocinadores.

Não há venda regular de ingressos para o setor VIP e não é certo que haverá algum tipo de venda. Na edição de 2017, foram liberados 200 convites para venda aos membros do Rock in Rio Club. Mas os preços não foram informados publicamente, o que indica o alto valor do convite. Além disso, a quantidade ofertada é bem inferior em relação à quantidade de membro do clube.

A entrada exclusiva, por sua vez, não chega a ser um grande diferencial, pois quem vai de Rock in Rio Primeira Classe também tem sua entrada própria.

Aspectos práticos

Quem se interessou pelo Rock in Rio Club pode ver mais detalhes aqui. Ele já está à venda pelo valor de R$ 97, taxa única. Quem já é membro e quer renovar a associação pagará R$ 79. A associação ou renovação, bem como as vantagens oferecidas, são válidas até o dia 1/10/2019. A aquisição do serviço é possível enquanto houver unidades disponíveis – no total, são disponibilizadas 18 mil cotas.

Compartilhe este post

Priscila Brito

Sou jornalista e melômana, não sei se nessa ordem. Coleciono ingressos de shows desde 2001. Agora coleciono pulseiras de festival e carimbos no passaporte. Sou uma das mães do Festivalando e fiz Paul McCartney falar uai no Mineirão. Só porque eu gosto de música. Nas horas vagas, faço coisas sérias e tento salvar o jornalismo.

5 comments

Add yours
  1. Guga Santos 23 novembro, 2017 at 21:56 Responder

    Olá!
    Tudo bem?

    “Mas você pode comprar mais ingressos nesta etapa de vendas respeitando as condições gerais”.

    Não entendo essas “Condições gerais.”
    Exemplo, na venda do club eu posso pegar 3 meia-entradas (uma a cada dia) ou é no sistema da pré-venda de 4 ingressos, mas, apenas uma Meia Entrada?

    Abraço!

    • Priscila Brito 23 novembro, 2017 at 22:39 Responder

      Oi, Guga! As condições gerais são os limites máximos de ingresso. No caso, cada CPF tem uma cota de quatro ingressos por dia do festival, sendo até 1 meia-entrada por dia. Essa é uma regra geral para membros e não membros do club e os limites não são cumulativos caso você faça parte do club. Você pode comprar ingressos para todos os dias, se assim quiser, desde que compre no máximo quatro ingressos por dia. Você também pode comprar meia-entrada para todos os dias se quiser, mas desde que seja apenas uma por dia.

      Por exemplo, se você comprou na pré-venda do club quatro ingressos para o dia 15/9, não pode mais na venda comum comprar mais ingressos para esse dia, pois sua cota diária foi esgotada. Mas nada te impede de comprar mais quatro ingressos para o dia 16/9 ou 17/9, etc. Um exemplo diferente: você comprou na pré-venda do club duas inteiras para o dia 15/9. Quando abrir a venda comum, você ainda terá uma cota de dois ingressos para esse dia, sendo que um deles pode ser meia-entrada, caso seja necessário.

      Espero que tenha dado para entender! Vou reelaborar o texto pra ver se fica mais claro.

  2. Ursula Cunha 16 Janeiro, 2018 at 14:14 Responder

    Olá Priscila! Se eu posso comprar até 4 ingressos por dia de festival, então um destes ingressos poderá ser usado por outra pessoa? Então se vamos eu, meu marido e minha mãe, eu posso fazer o rock in rio club e comprar os ingressos antecipados para eles?
    E na compra do ingresso antecipado, mesmo se saber a line-up eu já tenho que escolher qual dia irei?
    Obrigada, abraços!

    • Priscila Brito 16 Janeiro, 2018 at 14:21 Responder

      Oi, Ursula! É isso mesmo, você pode comprar ingressos com o seu cadastro e eles serem usados por outra pessoa. Quando você compra o ingresso sem as atrações anunciadas você não precisa escolher o dia de imediato. O Rock in Rio anuncia as atrações e a divisão por dia depois de um tempo e aí te dá um prazo pra você escolher em qual dia vai.

Deixe uma resposta

Close